DENÚNCIA DO BLOG ESPAÇO MILITAR: EM TODO QUADRO DE PESSOAL DO HOSPITAL DA POLÍCIA MILITAR DE SERGIPE NÃO EXISTE UM ÚNICO MÉDICO PSIQUIATRA

0
11 views

O blog Espaço Militar obteve a informação de fonte confiável, informando que em todo quadro de pessoal do Hospital da Polícia Militar de Sergipe não existe um único médico psiquiatra.

É um fato extremamente grave, pois temos acompanhando os problemas de militares sergipanos com depressão, alcoolismo, dependência química, chegando, em casos mais graves a suicídios.

 

Necessário de faz um médico psiquiatra nos quadros do HPM, pois em caso de surto, a citada unidade hospitalar não tem um profissional adequado para medicar e acompanhar o militar que necessite.

 

Por isso que afirmamos o núcleo existente para atender os militares sergipanos na área psicossocial é só um “arremedo”, pois carece de profissionais para o devido cuidado da saúde mental dos policiais e bombeiros militares, cujas profissões estão entre as mais estressantes do mundo.

O assessor jurídico da ASPRA/SE, Márlio Damasceno, se pronunciou acerca da denúncia, dizendo que: “pelo que se observa, necessário se faz que o Estado de Sergipe valorize os profissionais e seres humanos que estão por traz das fardas e que tantos serviços prestam à sociedade sergipana, tendo um verdadeiro núcleo de apoio psicossocial para prestar o devido auxílio aos militares que necessitem do devido tratamento, evitando-se assim que se chegue ao nível de suicídio, valorizando a vida do militar, recuperando-o, para o seu próprio bem, da sua família e da sociedade. Só para se ter uma ideia, já tive caso, que por não ter um médico ortopedista do HPM, contestou um laudo de uma psiquiatra forense em relação a um militar, o que nos causou perplexidade, justamente por não ter um profissional da psiquiatria em seus quadros”.

Com a palavra o Estado de Sergipe, que caso queira se pronunciar acerca da presente matéria, poderá enviar e-mail para:  espacomilitar@hotmail.com

Matéria do blog Espaço Militar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui