Ricardo Salles diz que mais de 100 toneladas de óleo foram retiradas de praias do Nordeste

0
231 views

Por Daniel Villas-Bôas, da Redação D3 Notícias

Após sobrevoar o litoral sergipano para dimensionar o impacto ambiental provocado por um derramamento de óleo, o ministro Ricardo Salles, do Meio Ambiente, usou as redes sociais para destacar o trabalho desenvolvidos pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

No Twitter, Salles pontuou que juntamente com a Marinha e outros órgãos estaduais, as equipes do Ibama e do ICMBio conseguiram recolher mais de 100 toneladas de borra de petróleo no litoral do Nordeste, sendo 58 somente na costa sergipana.

O ministro anunciou também, que o governo federal está colocando a disposição do governo sergipano equipamentos e técnicos que trabalharão com o intuito de retirar o óleo de toda a costa e tentar conter os danos no meio ambiente.

O problema atingiu todos os estados da região, sendo que Sergipe foi o mais impactado, tanto que no último sábado, 5, foi criado um Gabinete de Crise para definir o cronograma dos trabalhos, cujo duração ainda é incerta.

A Polícia Federal já instaurou inquérito policial para investigar esse crime ambiental e identificar a origem da substância oleosa.

Veja a publicação do ministro:

Em Sergipe, vistoriando o local de óleo nas praias. Desde 02 /setembro as equipes do IBAMA e ICMBIO, junto aos 42 municípios, marinha e demais órgãos no recolhimento de mais de 100 toneladas de borra de petróleo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui